quinta-feira, 25 de maio de 2017

Futebol Master da Caldense se classifica para semifinal de Torneio em Andradas

O time master de futebol da Caldense participa desde o dia 19 de abril da “Taça Luiz Roberto Bebeto Teixeira” na cidade de Andradas. Na abertura da competição, a Caldense foi derrotada pelo time de Andradas por 2 a 1 no Estádio JK. Depois, a Caldense venceu o Icasa por 3 a 0, o Moretti por 2 a 0, e no último sábado conquistou mais uma vitória, desta vez sobre o Jardinense, pelo placar de 1 a 0, gol de Fabinho. Com estes resultados o time de Poços se classificou para a semifinal e aguarda o adversário para a partida que será realizada no dia 04 de junho no Estádio Geri Icasa.

Pebolim e snooker da Olimtra conhecem seus campeões

Poços de Caldas,MG - A Olimtra entra em sua reta final. Poucas modalidades ainda estão em disputa. Na noite de terça feira mais duas empresas sagraram-se campeãs. No snooker masculino o DMAE bateu a Prefeitura por 2x1 e ficou com o título. Já no pebolim masculino a General Cable marcou 3x0 na Prefeitura e ficou com o primeiro lugar. Ainda na terça-feira aconteceu mais uma rodada do futebol society. Confira os resultados: DMAE 2x0 Danone e Grupo Vila Nova 3x1 Danone Nutrition. Hoje será realizada mais uma rodada do society.

Jogos de ontem

Ontem a competição seguiu com a rodada do futsal. A Alcoa Alumínio goleou a PradoLux por 17x1, o Grupo Vila Nova venceu a Danone por 3x1, Metier Adegas venceu a CBA Votorantim por 6x5 e o Grupo Curimbaba venceu a Terra Forte por 4x1.
Ontem também aconteceram os jogos classificatórios do truco masculino. As finais do masculino e feminino estão marcadas para hoje.

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Brincando e aprendendo

Foi realizado, neste último dia 13 de maio, mais um evento do projeto Brincando e Aprendendo nas dependências da Escola Municipal Arino Ferreira Pinto (Caic), o amistoso entre o Projeto Brincando e Aprendendo e Bola na Rede. Visando ao grande objetivo da harmonia e amizade entre os jogadores. O professor Alexandre Franco agradece a seus atletas e também todos os participantes da equipe Bola na  Rede.

Promessa de reação marca volta da Caldense aos treinos

Poços de Caldas,MG - Os jogadores da Caldense se reapresentaram ontem no CT Ninho dos Periquitos reconhecendo o péssimo futebol na partida de estreia no Campeonato Brasileiro da Série D e prometendo reação no restante da competição. “Não estivemos bem, as coisas não deram certo e tudo o que o professor falou com a gente acabou não sendo feito na partida. Vamos ter que reagir, temos um time qualificado e vamos classificar a Caldense”, disse Rodney, autor do único gol da Caldense na derrota por 3x1 para o Boavista.

Bronca

O técnico Thiago Oliveira pediu para não falar com a imprensa ontem. Visivelmente incomodado com o resultado ele chamou os jogadores no meio de campo e a conversa à distância pareceu ser bastante dura. Em alguns momentos a voz de Oliveira era tão alta que dava para perceber que a bronca foi grande.
Depois da conversa os atletas começaram os treinos físicos com Caldiron e mais tarde uma atividade com bola foi comandada por Oliveira.

Moraes

O Mantiqueira conversou com o gerente de futebol Moraes sobre o que vai acontecer daqui por diante. Ele disse que algumas conversas ainda seriam realizadas entre ele e o treinador e a diretoria e que nada havia sido decidido ainda até a tarde de onde sobre reforços. Moraes, como não poderia deixar de ser, não gostou do que viu no jogo de domingo, mas confia na classificação. “Não foi a estreia dos sonhos, erramos muito, acabamos pagando por isto, mas tem tempo de recuperação. Temos que buscar os resultados fora de casa, mas temos condições de conseguir reverter o quadro”, falou Moraes.

Viagem a Campinas

A Caldense treina hoje e amanhã no Ninho dos Periquitos. A viagem para Campinas será quinta-feira após o jantar. Sábado acontece o jogo contra o Red Bull Brasil. Sexta-feira, o time treina no estádio Brinco de Ouro da Princesa, campo do Guarani, e depois se concentra para o jogo.
A Caldense ocupa a lanterna de seu grupo com zero pontos. O líder é o Boavista com três, seguido por Red Bull Brasil e Espírito Santo, com um cada.

Vandinho recebe alta do hospital

Poços de Caldas,MG - O lateral Vandinho, que sofreu uma pancada na cabeça ao dividir a bola com um jogador da equipe do Boavista, na partida desse domingo (21), válida pelo Brasileirão da Série D, já recebeu alta do hospital e se encontra no Ninho dos Periquitos, onde mora. O atleta passou por exames de imagem de crânio e coluna cervical e ficou constatado que não houve alteração significativa. Ele está clinicamente estável, apresentando dores de cabeça de pequena intensidade e tonturas ao se levantar. Por orientação médica, Vandinho ficará afastado dos treinos até a próxima segunda (29) e passará, neste tempo, por reabilitação da coluna cervical no departamento médico, aos cuidados dos fisioterapeutas do clube.

Adilson Ligeirinho é vice-campeão no Uruguai e assume sexto lugar no ranking mundial

Poços de Caldas, MG - Enfrentando frio, chuva constante e a hostilidade da torcida da casa, o atleta poços-caldense Adilson Ligeirinho conquistou seu mais difícil troféu. No último final de semana, ele disputou a prova Internacional 48 Horas Uruguai Natural, em Montevidéu, que reuniu os melhores atletas do mundo.  Ligeirinho terminou em segundo lugar na classificação geral, fez sua segunda melhor marca em quilometragem da vida e de quebra ficou com o primeiro lugar em sua categoria. “Estou muito feliz porque foi a prova mais difícil da minha vida. As dificuldades foram enormes, mas graças a Deus, minha esposa e meus parceiros consegui um resultado maravilhoso”, disse Ligeirinho. O poços-caldense terminou a prova no Uruguai com 334,600 quilômetros em 48 horas correndo sem parar em momento nenhum.

Sexto melhor do mundo

O resultado na prova internacional 48 Horas Uruguai Natural coloca Adilson Ligeirinho como o sexto colocado no ranking mundial de ultramaratonas. A meta do atleta é terminar o ano entre os top 5 e ele planeja disputar pelo menos mais duas competições deste nível.  Ano passado, Ligeirinho era o 12º e 2017 vem sendo inesquecível para o atleta. Este ano Ligeirinho deverá disputar as 48 Horas de Passa Quatro e mais uma corrida internacional.

Saúde

O primeiro obstáculo enfrentado por Ligeirinho foi a saúde. O atleta já deixou o Brasil com muita dor de garganta e o clima uruguaio aumentou o problema. “Estava com a garganta muito inflamada, mas fui determinado e este problema não seria empecilho e nem desculpa para um resultado ruim. Por isto dei o melhor de mim para buscar representar bem minha cidade e o Brasil”, conta Ligeirinho.

Hostilidade

O atleta relata atitudes impensadas por parte de torcedores e membros das equipes dos atletas estrangeiros, principalmente do atleta da casa, campeão no ano passado. “Levei chutes no tornozelo, empurrões e até humilhações com palavrões, entre outras coisas”, conta Ligeirinho. “Quando eu estava atrás do atleta uruguaio não estava tendo problemas. Ele estava 48 voltas nas minha frente. Fui tirando a vantagem dele volta a volta, passei e abri distância. Foi aí que meus problemas começaram”, conta o atleta, que mesmo com estes contratempos não se abalou e manteve o foco. Como o primeiro colocado estava muito à frente, Ligeirinho passou a administrar a segunda colocação, resultado que manteve até o final.

Tempo real

Para facilitar a divulgação do que vinha acontecendo na prova internacional foi criado um grupo de WhatsApp que mantinha os seus integrantes informados o tempo todo. Foi possível saber como estava o desempenho do atleta, como estava o clima e o resultado final, tudo em tempo real. “Agradeço todos que acompanharam esta minha grande jornada. Foi muito importante a torcida de todos vocês. O carinho que recebi é indescritível e neste momento a gente vê o quanto é querido pelas pessoas. Estou muito feliz e muito agradecido a todos vocês”, disse Ligeirinho.

Cartão amarelo

Outra desvantagem em relação aos outros competidores foi o fato de não poder correr com um pacer - atleta que impõe o ritmo. Ligeirinho recebeu um cartão amarelo por usar um pacer e tece que competir a prova sozinho. O detalhe é que os outros competidores tinham o pacer e não receberam a mesma advertência. “Tentaram quebrar o meu psicológico o tempo todo, mas não conseguiram”, disse. “Valeu a pena a experiência, reapresentei uma nação com honra e determinação. Aqui em meu país sempre tratei todos os outros atletas muito bem, sempre pedi para a minha equipe não deixar faltar nada a ninguém, nem alimentação, remédio, médico nada e tudo que recebi foi o contrário. Tudo bem, superei dificuldade lutei contra tudo e todos. “Foi a competição mais injusta de minha vida, mas venci. Obrigado a todos”, disse o atleta
Para competir no Uruguai Ligeirinho contou com o trabalho do preparador Lucas Fernandes, seu treinador, e Dr. Mário, do Centro Otorrino. “Tenho uma equipe muito grande e quero representar muito bem o Brasil e nossa cidade porque um resultado bom lá fora é muito importante”, finaliza Ligeirinho, que tem apoio do Centro Otorrino e Hotel Monreale, entre outros parceiros. “Agradeço imensamente ao Dr. Mário que esteve o tempo todo conosco, o Lucas Fernandes, meu preparador físico, a Dra. Miriam Dias, sempre junto comigo fazendo um trabalho excelente, minha esposa Vanda de Fátima, que cuidou de tudo no Uruguai e o Hotel Monreale que hoje é minha segunda casa, local onde meus treinamentos acontecem, musculação, enfim, apoio total e sou muito grato”, finalizou Ligeirinho.

Serviço

19 e 20 e 21 de maio de 2017
“48 Horas Uruguai Natural”
48-24-12 e 6 horas
pista oficial de Darwin Pineyrua
Montevidéu -
Uruguai

Clube de Judô é campeão da 3ª etapa da Liga Sul-mineira

Poços de Caldas, MG - O Clube de Judô de Poços de Caldas, sob o comando técnico do sensei Matsuo, sagrou-se campeão da 3ª Etapa da Liga Sul-Mineira de Judô, que aconteceu nas dependências do poliesportivo Clube da Alcoa no último domingo (21). O evento contou com a participação de 220 atletas de 18 agremiações da região do sul de Minas e leste paulista das cidades de Varginha, Poço Fundo, Machado, Andradas, Pouso Alegre, Santo Antonio do Jardim, Itanhandú, Caxambu, Alfenas, Juiz de Fora, Lavras, Itamonte, São João da Boa Vista, Belo Horizonte, Itajubá. A equipe de Poços sagrou-se campeã e conquistou 28 medalhas de ouro, 18 de prata e 10 de bronze, seguida da Academia de Santo Antonio do Jardim e Chodokan Poço Fundo. O evento começou por volta de 10h com festival, após apresentação das agremiações, demostração de kata com dois atletas do Clube de Judô e Hino Nacional. Foi o dia todo de lutas e grandes disputas. O secretário de Esporte Wellington Paulista fez uma homenagem e a entrega de uma placa de honra ao mérito ao sensei Mitsuhisa Matsuo pelos trabalhos prestados como professor há mais de 4 décadas na cidade. Também foi feita a entrega de diplomas aos melhores atletas das competições do ano de 2016.
Participaram do evento os senseis Leo Mesquita, Matsuo, Guilherme Giusti, Claudio José Schmidt e Rodolfo Mataveli, ADC Alcoa Esteferson Rodrigo e alunos do Projeto Judô na Escola. Os atletas do Clube de Judô fazem parte dos Projetos Judô Caminho Suave, da Lei de Incentivo ao Esporte, apoio Construtora Etapa e Hotel Nacional Inn, e do Projeto Judo Seiun, patrocinado pelo DME. Agradecemos ao apoio da Secretaria de Esportes, da nossa parceira e amiga gerente do Clube da Alcoa Eliani, da Unimed, LSMJ, coordenador Nelson Matsunaga e equipe. E também ao Lelo.