terça-feira, 27 de junho de 2017

Presidente da Caldense diz que Zezito deve ficar e futebol profissional terá reformulações

Poços de Caldas, MG - O Mantiqueira conversou, na tarde de ontem, com o presidente da Caldense Antônio Bento Gonçalves, que fez uma avaliação sobre a desclassificação da Veterana do Campeonato Brasileiro da Série D. Para ele, o treinador Zezito deve ser mantido no cargo e uma grande reformulação precisa ser feita no futebol profissional da Caldense, dando espaço inclusive para garotos da cidade. Confira abaixo.

Mantiqueira - Quais os planos para o futebol profissional depois da eliminação no Campeonato Brasileiro da Série D?
Antônio Bento Gonçalves - Toda a diretoria ficou muito aborrecida com tudo aquilo que aconteceu. Entramos no campeonato para buscar a classificação e conseguir esta vaga para a Série C. Infelizmente, não aconteceu, mas quero deixar bem claro que não foi por falta de apoio da diretoria aos jogadores e comissão técnica, enfim, fizemos tudo que podíamos fazer para que este time estivesse hoje classificado. Agora vamos sentar, conversar muito, acertar os ponteiros e tentar consertar o que está errado. O primeiro passo é dispensar o elenco, todos os jogadores. Vamos acertar com todos, acertar compromisso por compromisso e eles que sejam felizes e desejamos que todos consigam times para jogar neste segundo semestre.

Mantiqueira - E quando se volta a falar de futebol profissional na Caldense?
Antônio Bento Gonçalves - Vamos demorar um pouco com estes contratos de rescisão, acertar com jogador por jogador, então acredito que em meados de julho vamos tratar sobre a volta dos trabalhos no futebol profissional.

Mantiqueira - O que será feito para apagar os erros deste ano?
Antônio Bento Gonçalves - Vamos ter muito trabalho, mas tenho certeza que vamos chegar a um bom termo. Vamos buscar fazer uma reestruturação no futebol da Caldense, mas tudo será feito com muito estudo por toda a diretoria que vai buscar fazer o melhor.

Mantiqueira - O Zezito fica?
Antônio Bento Gonçalves - Na minha opinião ele segue. Evidente que vamos conversar com todos os envolvidos, mas tanto o Zezito, o Moraes e o Luizão foram muito companheiros e assumiram numa época muito complicada e difícil, não podemos fazer outra coisa a não ser continuar com eles no futebol profissional.

Mantiqueira - O senhor acompanhou a partida que desclassificou a Caldense?
Antônio Bento Gonçalves - Tive problemas de pressão nos dias antes do jogo e o médico me proibiu qualquer tipo de emoção. Por isto só fiquei sabendo do resultado às 20h. Fiquei muito triste, mas volto a dizer que a diretoria fez de tudo para que o resultado final fosse diferente.

Mantiqueira - A Caldense dará mais espaço para os garotos da cidade?
Antônio Bento Gonçalves - Vamos tentar fazer este trabalho no futebol da Caldense daqui em diante. Vamos dar um apoio grande aos garotos que tenham potencial em defender a Caldense. Inclusive temos alguns que já estão treinando lá, cerca de três ou quatro. Estes e muitos outros podem estar ajudando e vamos procurar alavancar este trabalho. O técnico Zezito é um conhecedor de trabalhos de base, sempre deu muito apoio para os jovens e crianças e por isto vai ajudar muito neste sentido. Acredito que será uma boa para o clube e um pensamento que deve ser levado adiante.

Mantiqueira - De onde saíram os gastos com o futebol profissional da Caldense?
Antônio Bento Gonçalves - No futebol profissional aquilo que arrecadamos foi usado até a primeira fase do Campeonato Mineiro. Na série D a arrecadação que tivemos não foi o suficiente para a folha de pagamento dos jogadores, mas garanto que não haverá um comprometimento para a parte social do clube. A diferença é mínima e será complementada com o ganhos que tivemos com propaganda. Tudo que foi gasto com o futebol foi feito dentro do que podíamos fazer, usando o que poderíamos usar e sem tirar do social para isto.

Mantiqueira - Saindo do futebol e passando a falar do clube. Como andam as coisas na sede social?
Antônio Bento Gonçalves - Estamos buscando cumprir todos os compromissos e acredito que os associados estão satisfeitos. Recentemente, abrimos aulas de jiu-jitsu e o sucesso é total, com mais de 150 inscritos, além das aulas de violão com o professor Ricardo Guerra, que conta com mais de 70 alunos. Além do mais temos eventos para todos os gostos e com isto um bom movimento no clube. As noites de quinta e sexta estão sendo grande sucesso com os eventos no salão do Piano´s bar. Estamos buscando fazer promoções em toda a Caldense.

Mantiqueira - Algumas obras no clube, o que está sendo feito?
Antônio Bento Gonçalves - Estão sendo feitos trabalhos de melhorias nas saunas, nos banheiros do Piano´s Bar, arrumamos boa parte da área de musculação, arrumamos vazamentos nas piscinas. Estamos ainda com um problema grave nas quadras de squash, que tiveram problemas com uma enchente e com isto houve danos no piso. Outro local que deverá ter seu piso trocado em breve será a quadra do ginásio Dr. Ronaldo Junqueira, mas esta troca ainda deve demorar mais um pouco, mas acontecerá.

Caldense faz sua pior Série D. Elenco se reapresenta e será dispensado

Poços de Caldas, MG - Uma passada no Ninho dos Periquitos, pegar suas coisas e partir em busca de novos horizontes. Assim será a rotina de grande parte dos jogadores que se reapresentam hoje. Alguns já nem devem dar as caras por lá, caso de Luiz Eduardo, que ontem mesmo acertou suas contas e partiu para defender o Remo, clube que disputa a Série C do Brasileiro. A diretoria deve definir as permanências do técnico Zezito e do gerente de futebol Moraes. Serão eles os responsáveis pelo trabalho de reestruturação do futebol da Caldense e a montagem do time que disputará a próxima temporada. “Vamos montar um time competitivo e que vai fazer um ótimo Campeonato Mineiro. Nossa prioridade é manter na primeira divisão para depois pensarmos em buscar algo além. Confio muito no técnico Zezito, ele veio num momento complicado e merece ter continuidade em seu trabalho”, disse o presidente Antônio Bento Gonçalves.

Pior campanha

A eliminação da Caldense no Brasileiro da Série D no último domingo marcou a pior campanha do time na competição. Nos dois anos anteriores o time chegou às fases seguintes e acabou eliminado nas penalidades. Desta vez sequer passou da primeira fase e perdeu quatro das seis partidas que disputou.

Responsabilidades

Muitas causas podem ter contribuído pela falta de rendimento da Caldense no Brasileiro. A péssima passagem do treinador Thiago Oliveira é uma delas. O time não mostrou padrão de jogo em momento algum, sendo que em certos momentos os próprios atletas se mostraram insatisfeitos com o comandante. Com isto os resultados não vieram em campo. Zezito chegou tarde e não teve como e nem tempo de fazer milagre e classificar o time. A conturbada demissão de Alex Joaquim e a saída de Maradona também foram fortes demais para o elenco, que acabou rachando depois do acontecimento.

 O que fazer

A solução agora é a diretoria agir com calma, pensar na temporada seguinte e, principalmente, dar apoio para o novo treinador e sua comissão técnica. Como acontece todos os anos agora é aguardar um novo trabalho e que ele seja de muito sucesso. A torcida espera que a Caldense volte em 2018 mais forte e com o pensamento de crescimento. Subir para uma série C e depois para a B e fazer valer o nome forte que tem. A Caldense é, e deve continuar a ser, um dos times mais respeitados de Minas. Não será este revés que mudará sua história.

Confira quem avançou à 2ª fase da Série D
Este domingo (25) reservou uma rodada cheia de Série D do Campeonato Brasileiro. Com todos os 34 jogos da sexta e última rodada da 1ª fase disputados no horário das 18h (de Brasília), 32 equipes conquistaram a vaga para a próxima fase da competição: as 17 primeiras e as 15 melhores segundas colocadas de cada grupo.

Grupo A1: Atlético-AC e Princesa do
Solimões-AM classificados
No Gentil Valério, Ariquemes (RO), o Real Desportivo-RO foi derrotado por 1 a 0 pelo Princesa do Solimões-AM. O gol da partida foi marcado por Weverton. No Florestão, em Rio Branco (AC), o Atlético-AC fez 4 a 0 no Trem-AP. Os gols foram marcados por Eduardo, Januário, Careca e Polaco.

Grupo A2: Guripi-TO e
São Raimundo-PA classificados
Na Arena da Amazônia, em Manaus (AM), Fast Clube-AM e Baré-RR empataram em 1 a 1. Leonardo fez para o time da casa e Guigui (contra) deixou tudo igual. No Gilberto Resende, em Gurupi (TO), o time que leva o nome da cidade bateu o São Raimundo por 3 a 1. Bruno Morais (2) e Régis marcaram para os mandantes. Thiago descontou para o Alvinegro.

Grupo A3: Rio Branco-AC e São Francisco-PA classificados
No Colosso do Tapajós, em Santarém (PA), o São Francisco-PA bateu o Genus-RO por 3 a 2. Elielton, Di Maria e Roberto marcaram para o time da casa. Gabriel e Tcharles fizeram para os visitantes. No Raimundo Ribeiro, em Boa Vista (RR), o São Raimundo-RR fez 1 a 0 Rio Branco-AC. O único gol do duelo foi anotado por Kelvyn.

Grupo A4: Santos-AP e Altos-PI classificados
No Felipe Raulino, em Altos (PI), o time que leva o nome da cidade goleou o Tocantins-TO por 4 a 0. Joelson, Manoel, Esquerdinha e Eduardo balançaram a rede. No Zerão, em Macapá (AP), o Santos-AP derrotou o Cordino-MA por 2 a 1. Balão Marabá e Bruno Lopes marcaram para o Peixe. Pedro Gusmão descontou para os visitantes.

Grupo A5: Guarany de Sobral-CE e
Maranhão-MA classificados
No Castelão, em São Luís (MA), o Maranhão bateu o Potiguar-RN por 3 a 0. Curuca e Gilliard marcaram os gols da partida. No Junco, em Sobral (CE), o Guarany de Sobral derrotou o Ríver-PI pelo mesmo placar. Elivélton (2) e Márcio Tarrafas fizeram para o time da casa. Humberto descontou para os visitantes.

Grupo A6: Globo-RN e Parnahyba-PI classificados
No Ademir Cunha, no Recife (PE), América-PE e Guarani de Juazeiro-CE ficaram no 1 a 1. Rinaldo Índio fez para o Alviverde e Leílson marcou para o time cearense. No Manuel Barreto, em Ceará-Mirim (RN), o Globo derrotou o Parnahyba por 2 a 0. Reinaldo e Gláucio fizeram os gols da equipe potiguar.

Grupo A7: Juazeirense-BA e Sousa-PB classificados
No Adauto Moraes, em Juazeiro (BA), o Coruripe-AL bateu o Juazeirense por 1 a 0. O único gol do jogo foi marcado por Roni. No Luiz Lacerda, em Caruaru (PE), o Central-PE perdeu para o Sousa-PB pelo mesmo placar. Thiago Almeida foi o único a balançar a rede.

Grupo A8: Fluminense de Feira-BA
e Campinense-PB classificados
No Jóia da Princesa, em Feira de Santana (BA), Fluminense de Feira e Itabaiana-SE empataram em 2 a 2. Vitor Sapo fez os gols dos visitantes. Rafael Granja e João Neto marcaram para os baianos. No Ernani Sátyro, em Campina Grande (PB), o Campinense bateu o Atlético-PE por 2 a 0. Reinaldo Alagoano fez os dois gols da equipe rubro-negra.

Grupo A9: América-RN e Jacobina-BA classificados
No José Gomes da Costa, em Murici (AL), o Murici-AL perdeu para o América-RN por 2 a 0. Tadeu e Richardson fizeram os dois gols do Mecão. No Lourival Baptista, Aracaju (SE), o Sergipe-SE bateu o Jacobina-BA pelo mesmo placar. Ramalho e Netinho fizeram os gols da equipe sergipana.

Grupo A10: Ceilândia-DF e Comercial-MS classificados
No Jonas Duarte, em Anápolis (GO), Schwenck fez os dois gols da vitória do Anápolis-GO sobre o Ceilândia. No Gigante do Norte, em Sinop (MT), o Comercial bateu o Sinop-MT por 3 a 2. Bruno Nunes, Adriano e Leandro fizeram os gols da equipe visitante. Vinícius balançou a rede pelo time da casa.

Grupo A11: União-MT e Aparecidense-GO classificados
No Serra do Lago, em Luziânia (GO), Luziânia-DF e Aparecidense empataram em 3 a 3. Giovan, Jorginho e Pedro Henrique marcaram para o time da casa. Tozin e Aleilson fizeram os gols dos visitantes. No Douradão, em Dourados (MS), o União-MT bateu o Sete de Dourados-MS por 2 a 1. Ricardo e Maranhão marcaram para os visitantes. Jô fez para o Sete.

Grupo A12: Portuguesa-RJ e URT-MG classificados
No José Liberatti, em Osasco (SP), Audax-SP e Itumbiara-GO empataram em 2 a 2. Os paulistas marcaram com Marcus Vinícius e Bruno Lima. Jones fez os dois gols da equipe visitante. No Zama Maciel, em Pato de Minas (MG), URT e Portuguesa não saíram do 0 a 0.

Grupo A13: Villa Nova-MG classificado
No Estádio de Moça Bonita, no Rio de Janeiro (RJ), Bangu-RJ e Villa Nova empataram em 1 a 1. Os mineiros marcaram com Rafael Freitas e o tima da casa balançou a rede com Marlon. No Engenheiro Araripe, em Cariacica (ES), a Desportiva-ES bateu a Portuguesa-SP por 1 a 0. Edinho fez o único gol do duelo.

Grupo A14: Boavista-RJ e Espírito Santos-ES classificados
No Elcyr Resende, em Saquarema (RJ), o Boavista bateu a Caldense-MG por 3 a 1. Felipe Augusto, Lucas Perdomo e Caio fizeram os gols do time carioca. Luiz Eduardo descontou para os mineiros. No Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), o Espírito Santos-ES fez 1 a 0 no Red Bull Brasil-SP. Nilo anotou o único gol do jogo.

Grupo A15: Brusque-SC e Operário-PR classificados
No Aldo Dapuzzo, em Rio Grande (RS), o XV de Piracicaba-SP derrotou o São Paulo-RS por 4 a 3. Frontini, Tito (2) e Rodrigo fizeram os gols da equipe do interior paulista. Rafael Pilões (2) e Cleylton balançaram a rede para o time da casa. No Augusto Bauer, Brusque (SC), o clube que leva o nome da cidade bateu o Operário por 1 a 0. Careca fez o gol do jogo.

Grupo A16: São Bernardo-SP classificado
No Estádio do ABC, em Foz do Iguaçu (PR), Foz-PR e Inter de Lages-SC empataram em 1 a 1. Gustavo fez para o time da casa e Luis Menezes marcou para os catarinenses. No Primeiro de Maio, em São Bernardo do Campo (SP), o São Bernardo-SP bateu o Novo Hamburgo-RS por 2 a 1. Vinícius Kiss e Thiago César anotaram os gols dos paulistas. Marcão descontou.

Grupo A17: São José-RS e Metropolitano-SC classificados
No Passo D´areia, Porto Alegre (RS), o São José, com gol de Kelvin, bateu o Ituano-SP por 1 a 0. No Ubirajara Medeiros, em Cornélio Procópio (PR), o Metropolitano derrotou o PSTC-PR pelo mesmo placar. O único tento da partida foi marcado por Thiago Cristian.

Jogos da Juventude

As equipes de futsal de Poços de Caldas, masculina e feminina, estão classificadas para a fase final dos jogos da Juventude. Os jogos classificatórios aconteceram no último final de semana em Caxambu. No masculino Poços venceu Piumhi por 5x0, Caldas por 10x1 e perdeu para Caxambu por 5x4. As meninas de Poços venceram Caxambu por 17x1, Jacutinha por 8x0, Machado por 2x0 e Guaxupé por 8x0.

Interestadual de Malha

No último domingo aconteceu mais uma rodada do Campeonato Interestadual de Malha. Confira os resultados: Poços de Caldas 8x2 Mococa, Juventude 6x4 Nova Aurora e São Sebastião da Grama 8x2 Escala Bar. No próximo domingo a competição segue com os seguintes jogos: Juventude x Poços de Caldas, São Sebastião da Grama x Nova Aurora e Mococa x Escala Bar.

domingo, 25 de junho de 2017

Caldense define seu futuro hoje contra o Boavista

Poços de Caldas, MG - O futuro do futebol profissional da Caldense será decidido hoje. Uma vitória contra o Boavista mantém o time vivo no Brasileiro da Série D, porém, uma derrota, ou até mesmo um empate acaba com o ano da Veterana e assim a diretoria terá que começar tudo novamente e pensar no time para 2018.
A Veterana joga às 18h em Saquarema contra o Boavista, primeiro colocado do grupo com oito pontos. Se vencer chega aos 9 e torce contra o Red Bull Brasil, que joga em casa contra o Espírito Santo. Se o time de Campinas vencer chega a 10 pontos e ultrapassa a Caldense e neste caso a classificação da Veterana vai depender de outros resultados. Isto porque das 17 equipes que ficarem na segunda colocação em seus grupos, duas não vão passar de fase.

Desfalques

O técnico Zezito terá desfalques importantes. Rodney e Sérginho estão suspensos e tudo indica que Alexandre Lazarini e Gualberto sejam os substitutos. Zezito confirmou a entrada de Gualberto, mas deixou uma dúvida entre Lazarini e Caio. “Estou pensando, pois tenho estas duas opões e vou esperar um pouco”, disse Zezito. Caio ainda não jogou e por isto a escolha de Lazarini deve ser a certa.
Zezito fará apenas sua segunda partida no comando da Caldense, mas disse ao jornal Mantiqueira que a confiança na classificação é grande. “Vamos buscar a classificação, todos estão motivados e vamos fazer o jogo do ano. Vamos buscar esta vitória, não tem mais o que fazer”, disse Zezito, que realizou uma atividade na tarde de ontem onde colocou algumas situações de jogo. A noite ele reuniu o elenco e mostrou vídeos sobre o adversário. “Todo mundo quer ir para o jogo e garantir a temporada. Se não vencermos, o ano acaba para eles e ninguém quer isto, então a torcida pode ter confiança que vamos voltar com esta classificação”, falou o treinador, que deve mandar a campo o time com Neguett, Feijão, Marcelinho, Marcão, Cesinha, Lazarini (Caio), Mineiro, Alê, Gualberto, Rato e Luiz Eduardo.
O jogo terá transmissão em tempo real pelo site do www.jornalmantiqueira.com.br e o Facebook da Caldense promete passar o jogo ao vivo.  Na partida em Poços de Caldas a Caldense perdeu por 3x1 para o adversário.
O jogo de hoje em Saquarema terá arbitragem de Edmar Campos Encarnação (AM-CBF), que será auxiliado por Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ-CBF) e Diego Luiz Souto Barcelos (RJ-CBF)

Vôlei feminino de Poços faz bonito e conquista título da Lidarp

Poços de Caldas, MG - O voleibol feminino sub-17 de Poços de Caldas conquistou, na tarde de ontem, o título da Liga Desportiva do Alto Rio Pardo (Lidarp). A decisão aconteceu no ginásio Moleque César, no Cascatinha, e Poços venceu na decisão a equipe de Guaranésia por 3 sets a 0, parciais de 25x8, 25x13 e 25x21. Machado terminou em terceiro e Itaú de Minas foi a quarta colocada. As meninas de Poços são comandadas pelo professor Renato de Souza e conta com apoio da Secretaria Municipal de Esportes. “ A participação na Lidarp tem ajudado a nossa equipe a se preparar para outras competições importantes como o Joju e a Liga Sanjoanense, nos quais estamos fazendo excelentes campanhas. Este título nos dá mais confiança para o restante da temporada”, disse o professor Renato.

Hoje o time masculino adulto de Poços faz a final contra Itaú de Minas. A partida está marcada para às 10h30 no ginásio Miguel Zanetti, bairro Nova Aurora.

Handebol é vice
O handebol masculino sub-17 de Poços também disputou o título na tarde de ontem. A equipe enfrentou na final a cidade de Andradas e acabou derrotada por 30x17.

Liga Sul-Mineira realiza graduação de faixas no Clube de Judô

Poços de Caldas, MG - A Liga Sul-Mineira de Judô realizou ontem em Poços de Caldas a graduação de faixas. Estiveram presentes atletas de Belo Horizonte, Poços e região. O evento foi coordenado pelo sensei Matsuo e sensei Nelson Matsunaga. Cristine Masson, que trabalha na embaixada da França no Brasil, também foi uma das graduadas. “A Liga vem crescendo muito e esta graduação em Poços de Caldas é um exemplo da qualidade dos atletas que estão se formando na modalidade no Estado. Todos com condições de buscar ótimos resultados para o Brasil na modalidade”, disse o sensei Nelson Matsunaga, presidente da Liga Sul-Mineira. “A Liga tem o intuito de fortalecer o judô da região divulgando a modalidade e dando oportunidade aos judocas mais carentes que possam compartilhar este bom esporte como aprendizado e ter chances de disputar um campeonato brasileiro com apoio do Clube de Judô e da Liga”, disse Matsunaga. Sobre a graduação dos nove atletas ontem em Poços, ele destacou a qualidade dos judocas. “Muito bom o exame realizado em Poços, todos muito bem, tanto na parte teórica quanto na prática e tenho certeza que formamos grandes atletas”, finalizou Matsunaga, que é árbitro da Confederação Brasileira de Judô.
Um dos judocas graduados ontem Rafael Amaral, de Belo Horizonte, destacou a importância do esporte em sua vida. “Comecei a treinar judô aos 14 anos, disputei vários campeonatos. Depois parei de treinar, levei a vida para outros lados. Hoje voltei ao esporte, estou muito feliz, pois os valores do judô sempre me ajudaram em minha vida e estar aqui 16 anos depois para uma graduação é muito importante”, disse o atleta.
Os graduados no evento foram Rafael Amaral, Cristine Masson, James Chueire, Cláudio Luiz e Bernardo Mendes, alunos do sensei Hirashima, de Belo Horizonte. Diogo Barbosa Ribeiro, atleta do sensei Ricardo, da cidade de Machado. Sensei Alexandre Rodrigo Diniz, Cristiano Mariano e Tiago Laredo, atletas de Itamonte. As provas teóricas e técnicas foram realizadas pelos senseis Nelson Matsunaga e Matsuo, com auxílio do sensei Guilherme e Hirashima.